54 KAMER

  • 54:1

    A Hora (do Juízo) se aproxima, e a lua se fendeu.

  • 54:2

    Porém, se presenciam algum sinal, afastam-se, dizendo: É magia reiterada!

  • 54:3

    E o rejeitam, e persistem em suas luxúrias; porém, cada coisa terá o seu fim.

  • 54:4

    E, sem dúvida, tiveram bastante admoestação exemplificada.

  • 54:5

    E sabedoria prudente; porém, de nada lhes servem as admoestações.

  • 54:6

    Afasta-te, pois, deles (ó Mensageiro), e recorda o dia em que o (anjo) convocador convocará os humanos a algo terrível.

  • 54:7

    Sairão dos sepulcros, com os olhos humildes, como se fossem uma nuvem de gafanhotos dispersa,

  • 54:8

    Dirigindo-se, rapidamente, até ao convocador; os incrédulos dirão: Este é um dia terrível!

  • 54:9

    Antes deles, o povo de Noé havia desmentido os mensageiros; desmentiram o Nosso servo, dizendo: É um energúmeno!, repudiando-o por todas as vias.

  • 54:10

    Então ele invocou seu Senhor, dizendo: Estou vencido! Socorre-me!

  • 54:11

    Então abrimos as portas do céu, com água torrencial (que fizemos descer).

  • 54:12

    E fizemos brotar fontes da terra, e ambas as águas se encontraram na medida predestinada.

  • 54:13

    E o conduzimos (Noé) em uma arca, de tábuas encavilhadas,

  • 54:14

    Que flutuava sob o Nosso olhar, como recompensa para aquele que foi desmentido.

  • 54:15

    E a expusemos, como sinal. Haverá, porventura, alguém que receberá a admoestação?

  • 54:16

    Qual! Quão terríveis foram o Meu castigo e a Minha admoestação!

  • 54:17

    Em verdade, facilitamos o Alcorão, para a admoestação. Haverá, porventura, algum admoestado?

  • 54:18

    O povo de Ad rejeitou o seu mensageiro. Porém, quão terríveis foram o Meu castigo e a Minha admoestação!

  • 54:19

    Sabei que desencadeamos sobre eles um vento tormentoso, em um dia funesto,

  • 54:20

    Que arrebatava os homens, como se fossem troncos de tamareiras desarraigadas.

  • 54:21

    Observa, portanto, quão terríveis foram o Meu castigo e a Minha admoestação!

  • 54:22

    Em verdade, facilitamos o Alcorão para a recordação. Haverá, porventura, algum admoestado?

  • 54:23

    O povo de Tamud desmentiu os admoestadores,

  • 54:24

    Dizendo: Quê! Acaso, haveremos de seguir um homem solitário, surgido dentre nós? Cairíamos, então, em extravio e naloucura!

  • 54:25

    Acaso, foi a Mensagem revelada só a ele, dentre nós? Qual! É um mentiroso, insolente!

  • 54:26

    Logo saberão quem é mentiroso e insolente!

  • 54:27

    Em verdade, enviamos-lhes a camela como prova. E tu (ó Saléh), observa-os e aguarda com paciência.

  • 54:28

    E anuncia-lhes que a água deverá ser compartilhada entre eles, e casa qual terá o seu turno registrado.

  • 54:29

    Então, chamaram um companheiro seu, o qual tomou de um sabre e a abateu.

  • 54:30

    Porém, quão terríveis foram o Meu castigo e a Minha admoestação!

  • 54:31

    Sabei que enviamos contra eles um só estrondo, que os reduziu a feno amontoado.

  • 54:32

    Em verdade, facilitamos o Alcorão, para a admoestação. Haverá, porventura, algum admoestado?

  • 54:33

    O povo de Lot desmentiu os seus admoestadores.

  • 54:34

    Sabei que desencadeamos sobre eles uma chuva de pedras, exceto sobre a família de Lot, a qual salvamos na hora daalvorada.

  • 54:35

    Por nossa graça. Assim recompensamos os agradecidos.

  • 54:36

    E (Lot) já os havia admoestado, quanto ao Nosso castigo; porém, duvidaram das admoestações.

  • 54:37

    E intentaram desonrar os seus hóspedes; então, cegamos-lhes os olhos, dizendo: Sofrei, pois, o Meu castigo e a Minhaadmoestação!

  • 54:38

    E, ao amanhecer, surpreendeu-os um castigo, que se tornou perene.

  • 54:39

    Sofrei, pois o Meu castigo e a Minha admoestação!

  • 54:40

    Em verdade, facilitamos o Alcorão, para a recordação. Haverá, porventura, algum admoestado?

  • 54:41

    E também se apresentaram os admoestadores ao povo do Faraó.

  • 54:42

    Porém, desmentiram os Nosso sinais, pelo que os castigamos severamente, como só pode fazer um Onipotente, Poderosíssimo.

  • 54:43

    Acaso, os vossos incrédulos (ó coraixitas), são melhores do que aqueles, ou, por outra, gozais de imunidade, registradanos Livros sagrados?

  • 54:44

    Entretanto, dizem: Agimos juntos e podemos (nos) defender!

  • 54:45

    Logo, a multidão será debelada e debandará.

  • 54:46

    E a Hora (do Juízo) é uma promessa, e ela será mais grave e mais amarga.

  • 54:47

    Sabei que os pecadores estarão nos caos e na loucura.

  • 54:48

    No dia em que foram arrastados, no fogo, sobre seus rostos, (ser-lhes-á dito): Sofrei o contato do tártaro!

  • 54:49

    Em verdade, criamos todas as coisas predestinadamente.

  • 54:50

    E a Nossa ordem não é mais do que uma só (palavra), como um abrir e fechar os olhos!

  • 54:51

    E havíamos aniquilado os vossos semelhantes. Haverá, porventura, algum que recebeu a admoestação?

  • 54:52

    Tudo quanto fizeram está anotado nos livros.

  • 54:53

    E toda a ação, pequena ou grande, está registrada.

  • 54:54

    Sabei que os tementes morarão entre os jardins e rios,

  • 54:55

    Em uma assembléia da verdade, na presença de um Senhor Onipotente, Soberaníssimo.

Paylaş
Tweet'le